A história por trás da KitchenAid


Quem ama cozinhar sabe que a gastronomia é uma forma de arte. Cada ingrediente faz parte do sabor que você quer criar, mas até chegar lá, é sempre bom poder contar com a base que você precisa.

A KitchenAid foi a primeira marca a criar um produto para a cozinha, que reunisse desempenho impecável e design original. Afinal, a arte também é a nossa inspiração.

Uma inspiração que nos ajudou a chegar onde chegamos. Mas para entender melhor é importante que a gente conte o começo de tudo, lá em 1919.

O primeiro lançamento da KitchenAid foi a famosa Stand Mixer, a icônica batedeira que até hoje é o nosso produto desejo. Criada pelo engenheiro Herbert Johnston, nos Estados Unidos, ela logo caiu nas graças dos padeiros e confeiteiros, já que um dos seus principais diferenciais era a sua capacidade de bater grandes quantidades. A Stand Mixer foi a primeira batedeira elétrica com movimento planetário, aquele que faz o batedor girar em uma só direção, mas por todo o bowl.

O nome KitchenAid foi criado depois do lançamento da batedeira, com a ajuda de uma das primeiras consumidoras que fez o seguinte comentário após testar a Stand Mixer: “This is the best kitchen aid I’ve ever had!”


         

Acontece que a Stand Mixer nunca foi só uma batedeira. Ela era, e é até hoje, uma máquina versátil que também mói, fatia e tritura ingredientes. É um verdadeiro centro culinário.

O sucesso do primeiro lançamento fez com que ampliássemos nossa linha de produtos, e logo surgiram a cafeteira elétrica, a lava-louças portátil e a batedeira Model G – mais leve e menor que o modelo original. Mas foi em 1936 que realmente fomos além no design. Em uma parceria inédita com o famoso designer Egmond Arens projetamos três dos mais modernos modelos de batedeiras da KitchenAid.

De lá para cá muitos produtos foram lançados. Criamos a linha de acessórios e nos tornamos a marca mais indicada pelos grandes chefs de cozinha e amantes da boa gastronomia ao redor do mundo.

O legado da KitchenAid tem sua base na transformação. Afinal, se a paixão pela cozinha podia transformar alguém, então queríamos também transformar o mundo.  Foi assim que, em 2011, relançamos a nossa máquina de café mais famosa com apoio da fundação Susan G. Komen. A edição limitada da nossa A-9 surgiu na cor rosa e teve parte do seu valor de vendas doado à organização que luta no combate ao câncer de mama. Com o tempo passamos a comercializar diversos produtos na cor rosa, em diferentes países, criamos o projeto Cook for the Cure, que trabalha na conscientização e prevenção do câncer de mama.

Reinventamos a forma de se relacionar com a cozinha usando a tecnologia e um design completamente inovador nesse mercado. As cores chamativas fazem parte da nossa história. Os tons de rosa pétala, amarelo sol, verde água, cromado satinado e cobre envelhecido fizeram da nossa marca, um ícone.

E é com esse sentimento que a gente segue criando. Pensando no que vem adiante, sem esquecer do nosso passado.





Nenhum comentário


Artigos Sugeridos

Todos os Posts