Entrevista | Simone Izumi, da Chocolatria


Nossa Inspiração de hoje é Simone Izumi. Uma mulher incansável: mãe de duas crianças, amante de chocolate e arquiteta por formação, ela deixou a carreira de lado e foi atrás da sua primeira paixão, o chocolate.

Em 2004, Simone fundou a Chocolatria, uma confeitaria de chocolates artesanais, e viu a sua vida se transformar. Tanta paixão pelo doce deu muito resultado. Isso porque, além de chocolatier, Simone também é professora, consultora, blogueira e autora do livro “Loucuras de Chocolate”.

Hoje, seu maior propósito, além de criar deliciosas receitas e ensinar a arte do chocolate, é emocionar aqueles que experimentam suas criações. Por sua história de inspiração e paixão pela gastronomia, o Amo KitchenAid entrevistou Simone que contou sobre a sua trajetória e incentivou quem, assim como ela, deseja sair da zona de conforto e se dedicar à gastronomia, confira:

Amo KitchenAid: Como surgiu a sua paixão pelo chocolate?
Simone Izumi: O chocolate foi e sempre será o meu doce afetivo preferido. Durante a minha infância, a criançada do arrabalde costumava se esbaldar com pirulitos, paçocas, doces de abóbora e afins. Doces que na verdade, dava de ombros. O meu olhar era direcionado para as finas caixas de bombons que habitavam as prateleiras mais altas do mercado. Muitas memórias de infância estão ligadas ao chocolate: desde a bebida quente servida pela minha tia aos raros chocolates, recebidos como presente e acolhidos como se fossem pedras preciosas.

AK:Você sempre soube que gostaria de trabalhar com doces ou foi uma surpresa?
SI: Até o início da faculdade de arquitetura, nunca passou pela minha cabeça trabalhar com doces como profissão. Apesar de ter habilidades para desenho e uma facilidade para criações, sentia dificuldade para me expressar artisticamente e emocionalmente através da arquitetura.

Durante este período, trabalhava como secretária em um escritório, gerenciava obras no interior e nos finais de semana confeccionava trufas na edícula da casa de minha mãe, que eram comercializadas no restaurante de uma querida tia. Desta forma, conseguia gerar uma renda satisfatória, onde parte dela era direcionada para a compra de livros de confeitaria e chocolateria. Contrariando algumas opiniões alheias, troquei de profissão após 3 anos trabalhando na área, para me dedicar à minha verdadeira paixão: chocolate e o efeito mágico que ele causava nas pessoas através dos meus doces. Sim… eu estava emocionando pessoas e esta satisfação no meu coração, me deu clareza e foco para ignorar todas as dificuldades ao longo de 14 anos de estrada.

Adentrei madrugadas pensando em inúmeras estratégias, trabalhei arduamente, sofri fracassos, tive inúmeros momentos de incertezas e me decepcionei com algumas pessoas. Tudo isso faz parte do processo de evolução de qualquer ser humano. Absorva, faz parte! Todas as dificuldades superadas lhe renderão uma segurança tremenda e você valorizará cada azulejo da tua cozinha, cada risada gostosa em seu ambiente de trabalho e agradecerá genuinamente cada amigo verdadeiro que entrar na sua vida.

AK: Você também gosta de cozinhar receitas salgadas ou apenas doces?
SI: Adoro cozinhar receitas salgadas e testar sabores diferentes. Sofro de “tediofobia”. Sinto um imenso prazer de cozinhar de forma atemporal nos finais de semana, regado a uma boa música, dedicando tempo e energia para a família e amigos. Nestas condições, a minha refeição sai deliciosa.

AK:Qual é a importância de se usar utensílios de qualidade para o resultado final da receita?
SI: Imprescindível para você ter controle no processo e um resultado pleno, evitando eventuais frustrações nas suas tarefas diárias, sejam elas domésticas ou profissionais.

AK: Atualmente, quais são as receitas mais pedidas na loja Chocolatria?
SI: As pessoas ficam endoidecidas quando experimentam a trufa de churros (recheada com calda líquida de doce de leite), pelos pães de mel (recheados com doce de leite ou licorosos), pelas estrelas gordinhas (recheadas com brigadeiro) , pelas flores de sakurá (recheadas com brigadeiro de marcha), pelo brigadeiro de pistache (envolto em chocolate ao leite com massa folhada), pelos bombons Van Halen (recheado com caramelo, amendoim e ganache de paçoca), pelo wafer crocante recheado com pasta de avelãs, pelos sundaes (tapioca com doce de leite e coco ou de chocolate com amarenas e brigadeiro)…. Hoje temos uma variedade incrível oferecida aos clientes em nosso espaço, aos sábados. Produzimos também muitos doces para casamentos, festas sociais e eventos corporativos.

AK: Além do blog e da produção, você também dá cursos de chocolateria, como surgiu essa ideia de ensinar?
SI: Na verdade, a minha rotina se resume a aulas profissionalizantes de chocolateria e confeitaria! As aulas, direcionadas para grupos pequenos, são intensas, dinâmicas, com grande embasamento teórico e de técnicas. Mas ao mesmo tempo, a vibração imposta por mim é de leveza, de alegria e o sentimento de compartilhar. Muitas pessoas chegam até a mim, como forma de “chocoterapia”, em busca de um lifestyle diferente ou para se aperfeiçoarem na chocolateria. Hoje, disponho de sete módulos profissionalizantes de chocolateria e confeitaria, ministrado através de aulas presenciais por conta do dinamismo da mesma.

AK: Por fim, o que você falaria para quem deseja sair da zona de conforto e investir na gastronomia?
SI: Pensar fora da caixinha, ser diferente, sentir borboletas no estômago, ser ousado e ter expectativas frente a alguma aposta são sentimentos mágicos… poderosos!

Quais serão as suas maiores dificuldades? Quem imagina que seriam os altos custos fixos, está redondamente enganado! Custos fazem parte de qualquer negócio e de qualquer pessoa e devem ser aceitos com naturalidade. Difícil mesmo é controlar a ansiedade em relação aos resultados desejados e saber equilibrar o seu lado emocional. Apesar de ser muito agitada e de natureza imediatista, adquiri uma paciência absurda nesta trajetória. Tudo tem o seu tempo.

O seu sonho não precisa ser definido. Ele pode ser modelado com o passar do tempo, da vivência do mesmo e pode até mudar a sua opinião. Permita ser flexível e evite a vitimização. Temos uma tendência mundana de associar vitórias ao material e físico… mas à medida que você amadurece, você descobre que sucesso é ser feliz. E ser feliz significa sucesso.
Confira algumas receitas de Simone Izumi para Amo KitchenAid:

Cookie americano recheado com pasta de avelãs

Bolo salada de frutas

Cookie Sandwich de Red Velvet

Bolo Red Velvet

Cupcakes natalinos

Christmas Pie

Nenhum comentário


Artigos Sugeridos

Todos os Posts