Você sabia que a canela, aquela que consumimos sempre, é muito nutritiva e saudável? Então confira em nosso post e aprenda mais receitas com ela.

É canela!


Perfumada, saborosa e saudável, a canela (Cinnamomum zeylanicum) é uma especiaria muito apreciada em todo o mundo. Obtida através da separação da “casca” e dos galhos secos do tronco da caneleira, árvore que dá nome à especiaria, suas propriedades são fundamentais para a boa gastronomia e até mesmo para a medicina.

Originária do sul da Índia, na região conhecida atualmente como Siri Lanka, a canela foi tão importante para a história da humanidade como o azeite, o vinho e o sal. Seu sabor e aroma cativantes fizeram dela moeda de troca para pagamentos de serviços, impostos, obrigações e até mesmo heranças e dotes durante muitos séculos, juntamente com o cravo, a pimenta-do-reino e a noz-moscada.

Fundamental na culinária, indispensável para a saúde

Assim como na culinária, a canela também é muito valorizada na medicina. Sua utilização na farmacologia vai desde medicamentos até pomadas e cosméticos, tudo graças ao seu componente cinamaldeído, responsável pelo sabor e aroma característicos, e suas propriedades analgésicas e digestivas.

A especiaria é grande aliada da boa saúde, pois, segundo a nutricionista Jamila Vital, atua no trato gastrointestinal combatendo gases, úlceras e dores estomacais, estimula a melhora da digestão e o aumento do apetite, além de possuir propriedades antifúngicas e antibacterianas, sendo muito eficaz no combate a bactérias como a cândida.

“Sua capacidade anti-inflamatória e antioxidante possui papel muito importante na recuperação e cicatrização de tecidos, auxiliando no combate a gripes, resfriados e infecções de garganta. Além disso, ajuda no combate ao stress oxidativo, que causa o envelhecimento precoce e outras doenças relacionadas ao envelhecimento”, diz Jamila.

A canela também possui propriedades termogênicas e aumenta a sensação de saciedade, diminuindo a fome e atuando na aceleração do metabolismo quando associada a bons hábitos alimentares e prática de atividade física. Suas propriedades hipoglicemiantes diminuem os níveis de açúcar no sangue, sendo benéfica para as pessoas com diabetes ou resistência à insulina e pré-diabetes.

“A quantidade indicada de canela por dia é de uma a duas colheres de café (do pó) em receitas ou acompanhando frutas e chás. A restrição na utilização é apenas para gestantes, pois esse alimento contém propriedades que podem ser perigosas ao feto”, declara Jamila.

O aroma da gastronomia

Utilizada para receitas doces e salgadas, a canela é, muitas vezes, o principal aroma de uma cozinha. Famosa entre muitas culinárias, é normalmente um coadjuvante em receitas de renome, mas sua participação é tão fundamental quanto sua qualidade.

Para provar todo o poder da canela na sua cozinha, confira essa seleção de receitas que tem a especiaria como ingrediente fundamental. Você vai se surpreender.

Frango com molho de açafrão e canela 
Pão doce alemão
Churros de pimenta e canela
Chá de hortelã e canela

Viu como a canela pode ser versátil e saborosa? Tem alguma receita favorita que utilize o condimento como ingrediente principal? Conte para a gente nos comentários.

1 comentário


Miriam
Miriam

Canela pra mim é tudo de bom,gosto usar no refogado de frango,fica divino!

Artigos Sugeridos