Você também é um fã de cogumelos? Além de fáceis de preparar, versáteis e muito saborosos, os fungos são saudáveis e muito úteis na cozinha

Desvendando o universo dos cogumelos


A aparência pode parecer curiosa e até estranha, mas o sabor é inconfundível. Os cogumelos, fungos comestíveis capazes de enriquecer qualquer prato, ganham popularidade no Brasil, apesar de sua incrível versatilidade ainda continuar um mistério para muitos amantes da boa culinária. Normalmente associados à gastronomia japonesa, algumas espécies de cogumelos ainda permanecem no anonimato. Sua produção no Brasil é restrita à espécies mais conhecidas, principalmente o champignon de Paris, o shimeji e o shiitake. Mesmo assim, segundo a Associação Nacional dos Produtores de Cogumelos (ANPC), o consumo de cogumelos no país não ultrapassa as 160g por habitante ao ano. Das mais de dez mil espécies de cogumelos conhecidas e classificadas no mundo, duas mil são consideradas comestíveis. Apesar disso, todo o seu poder e sabor continuam presos a cerca de 36 espécies produzidas com regularidade e, infelizmente, grande parte das outras variedades de fungos permanece desconhecida da maioria das pessoas. Pelo menos até agora.

Fonte inestimável de proteínas

Apesar de pouco conhecidos, os cogumelos são uma grande fonte de proteínas. Na dieta vegetariana, os fungos são um dos principais responsáveis pela substituição de carnes, tanto em sabor quanto em minerais. Além de todo seu potencial saudável, muitas espécies são consideradas medicinais, como estudado em culturas milenares. Suas propriedades terapêuticas e curativas são citadas na medicina chinesa há mais de três mil anos, e em outras culturas, como a grega, a romana e a guatemalteca. Hipócrates, o pai da medicina, já associava o consumo de cogumelos à práticas para a boa saúde no século IV a. C.

Uma referência na alta gastronomia

Presente em receitas refinadas, os cogumelos são normalmente introduzidos em nossas vidas pelas mãos de grandes chefs. Eles são fontes de inspiração para muitas receitas, sendo um substituto comum para carnes em receitas tradicionais, como o ragu, por exemplo. Mas, apesar de famosos na alta gastronomia, são acessíveis, versáteis e rápidos de preparar. Podem ser utilizados como prato principal e são ótimos ingredientes para um acompanhamento saboroso e refinado.

Das mais de dez mil de espécies de cogumelos classificadas no mundo, apenas 2 mil são comestíveis

Das mais de dez mil de espécies de cogumelos classificadas no mundo, apenas 2 mil são comestíveis

Confira nossa lista com algumas das espécies mais fáceis de encontrar no Brasil. Aproveite e insira mais este ingrediente fantástico às suas criações culinárias. Champignon Paris – mais cultivado e conhecido no país, o cogumelo Paris, ou champignon, é famoso graças a sua participação permanente em pratos como o strogonoff. É ideal para acompanhar ou guarnecer carnes e molhos. Portobello – a versão madura do champignon é muito apreciada em risotos, sopas, carnes e saladas quentes por seu aroma e sabor mais intenso e apurado. Por ser maior, mais suculento e de textura rígida, pode ser recheado, assado e servido como entrada ou acompanhamento. Shimeji – servido comumente em restaurantes especializados na culinária asiática, é um cogumelo de aparência peculiar e textura grumosa. É normalmente consumido sozinho, refogado na manteiga e temperado com cebolinha, mas é muito indicado para molhos, risotos, massas e saladas. Hiratake – é da mesma família do shimeji e muito apreciado como ingrediente principal de sopas, caldos e como acompanhamento para carnes como o cordeiro. Shiitake – também um dos principais cogumelos encontrados na culinária japonesa e chinesa, é o segundo mais consumido no mundo. Muito apreciado em risotos, massas, recheios e saladas. Porcini – conhecido no Brasil como Funghi ou Funghi Secchi, é comum encontrar essa espécie seca ou desidratada. Combina muito bem com risotos, mas pode ser utilizado para sopas e massas. Maitake – muito consumida no Japão, o maitake ainda é pouco comum no Brasil. É ótimo para acompanhar massas, combinando perfeitamente com queijos de sabor forte, como brie e gorgonzola. Trufas – muito comuns na alta gastronomia, as trufas são encontradas em duas versões: preta e branca (mais rara). São conhecidas por seu sabor inigualável e seu valor alto no mercado gastronômico, mas podem ser utilizadas para aromatizar azeites ou temperar um prato, em pequenas quantidades. Outras espécies podem ser encontradas no país, como o Pleurotus Salmão (cogumelo rosado), Pleurotus eryngii (cogumelo-do-cardo), Nameko e Pleurotus Branco. Ficou com água na boca? Então experiente fazer na sua casa algumas receitas práticas com cogumelos. Nós, do Amo KitchenAid, mostramos como:

Ravioli de três cogumelos com manteiga e sálvia
Pipoca com azeite trufado 
Bruschetta de alho e cogumelos
Pizza rústica de abobrinhas, cogumelos porcini e prosciutto
Tagliatelle ao molho de cogumelo shiitake
Risoto de champignon com presunto cru
Bruschetta de cogumelos portobello e tomate

E você, gosta de cogumelos? Qual é o seu prato preferido feito com essas delicias? Comente!

1 comentário


maria José
maria José

Guardar essas receitas.

Artigos Sugeridos